Wednesday, February 1, 2012

A Multinacional Green Peace


                     O único verde com que a Green Peace se preocupa é com o verde do dólar.
A Greenpeace, é uma corporação holandesa que lucra $350 milhões de dólares anualmente. 
A Green Peace é uma grande consumidora de energia, não só porque participa em cimeiras e conferências por todo o mundo, mas também porque faz deslocar uma considerável frota de navios pesados pelos oceanos.  
A Green Peace deixa uma pégada ecológica do tamanho de uma grande cidade. 
A Green Peace ataca furiosamente os países ocidentais, nomeadamente o Canadá, porque pode. Porque os países de democráticos de economia de mercado não lhes dão o tratamento de choque ao estilo Praça Tiananmen. Aliás, a Green Peace nem sequer se atreve a criticar o governo Chinês. Os países ocidentais são fontes de lucro para a Green Peace.
O relatório de 2010 da filial canadiana da Green Peace, conta a história toda. As suas operações no Canadá enviaram para os seus negócios globais qualquer coisa como 2,28 milhões de dólares e mais 595 mil dólares á sua sede holandesa. Só no Canadá o negócio rende cerca de 3 milhões de dólares anualmente.
É uma boa soma de dinheiro que enche os bolsos dos seus executivos. Talvez seja por isso que os canadianos estão abandonar a Green Peace aos milhares. Segundo estatísticas próprias daquela multinacional, só no ano passado desvincularam-se 4000 pessoas.
A Green Peace deslocou um grande contigente para Durban. Hotéis de 5 estrelas, grandes orçamentos...à grande e à francesa.
Do único movimento verde de que a Green Peace se preocupa é com o verde do seu dinheiro.

1 comment:

FireHead said...

Nem mais, amigo. Há que desmarcarar essa organização de bandidos. Vou gamar-lhe o texto. :)